A IMPORTÂNCIA DAS FIBRAS NA ALIMENTAÇÃO

0
1255

Hoje em dia, a substituição de refeições saudáveis por pratos prontos e misturas industrializadas fazem parte do cotidiano das pessoas. Essas formas rápidas de alimentação não suprem as necessidades nutricionais do organismo e podem estar relacionadas à má alimentação e ao surgimento de doenças crônicas. Uma alimentação rica em vegetais, frutas e cereais integrais, ao invés do tradicional bife com batata frita, pode ser fundamental no combate a alguns tipos de câncer e a complicações cardiovasculares, por exemplo. As fibras alimentares constituem parte de todos os alimentos vegetais (cereais, frutas, verduras e leguminosas) que o organismo não consegue digerir. São compostas por elementos não-digeríveis, tais como: celulose, hemicelulose, lignina e pectina. Com exceção da lignina, as fibras pertencem ao grupo dos carboidratos. Existem dois tipos de fibras, as solúveis (amido e pectina) e as insolúveis (lignina, celulose e hemicelulose). Fibras solúveis são as que se dissolvem na água e tendem a formar géis, aumentando a viscosidade dos alimentos parcialmente digeridos no estômago. Agem no organismo diminuindo os níveis de colesterol e triglicerídeos no sangue. Encontra-se no feijão, ervilha, lentilha, aveia, cevada, milho e algumas frutas. Fibras insolúveis são as que não se dissolvem na água; permanecem praticamente intactas através de todo o trato gastrintestinal, diminuem o tempo de trânsito intestinal, aumentam o bolo fecal e facilitam a eliminação das fezes, evitando a constipação. Encontram-se no farelo de trigo, grãos integrais, verduras e legumes.

DICAS PARA O BOM FUNCIONAMENTO DO INTESTINO

• Ao acordar consuma 1 copo de água morna ou gelada antes de tomar café da manhã;
• Aumente a ingestão de frutas frescas e sucos naturais não coados;
• Inclua em sua alimentação sementes como chia, linhaça ou mesmo gergelim;
• Comer as frutas com casca e bagaço, quando possível;
• Consuma no mínimo duas a três porções de frutas e vegetais variados no dia;
• Prefira cereais integrais, pão de centeio, farelo de trigo,…
• Misture farinha integral em preparações como: bolos, panquecas, dentre outros;
• Aumente a ingestão de água;
• Procure manter um exercício físico regular;
• Estabeleça horários regulares para as refeições.

Comentários no Facebook