Doação de órgãos

0
1000

Na quarta-feira (27/09), celebrou-se o Dia do Doador de Órgãos, momento mais importante do Setembro Verde. O período é dedicado à reflexão a conscientização. E em comemoração à esta data, como Presidente da Câmara Municipal em exercício, eu Vereador Patricio, recebi o deputado estadual Adilson Troca, para conversarmos sobre doação de órgãos.

Valorizo a importância de se dar visibilidade ao assunto. “Que não seja apenas Setembro Verde, mas sim o ano todo de conscientização e compreensão de que um pode salvar 8”, e nesta ideia sigo este belíssimo projeto que salva anualmente tantas vidas, em todo mundo

Dados

A Associação Brasileira de Transplante de Órgãos, ABTO, aponta em seu relatório mais recente relativo ao primeiro semestre de 2017 que a média de doadores de órgãos efetivos por milhão de pessoas é de 16,2 no Brasil e 25,4 no Rio Grande do Sul. Ainda assim, em nosso Estado, 44% das famílias escolhem não doar os órgãos.

No fim de junho, conforme o documento, existiam 32.956 brasileiros adultos e 887 crianças na fila de espera por um transplante. Destes, 1.109 pacientes adultos e 35 crianças são gaúchos. “O diálogo pode salvar estas pessoas. A decisão de ser doador é o primeiro passo para garantir a possibilidade de vida a quem espera um transplante”, acrescenta o deputado Adilson Troca.

Internet

Na página da Frente Parlamentar de Estímulo à Doação de Órgãos no facebook www.facebook.com/soudoador são realizadas diversas postagens e divulgadas informações pertinentes ao tema.

O público é convidado a aproveitar esta semana para usar uma imagem especial com o laço verde sobre a foto de perfil mostrando aos amigos e familiares que a pessoa é doadora. Além disso é usada a #SouDoador para marcar todas as postagens. Cada pequeno ato faz a diferença e pode ajudar a salvar vidas.

 

COMPARTILHAR
Artigo anteriorJantar dos Gourmets
Próximo artigoVem ai !!!!!
Vereador de Canoas.

Comentários no Facebook