Minha reverência…

0
1557

“JURO, PELA MINHA FÉ E PELA MINHA HONRA E DE ACORDO COM OS PRINCÍPIOS ÉTICOS DO BIÓLOGO, EXERCER AS MINHAS ATIVIDADES PROFISSIONAIS COM HONESTIDADE, EM DEFESA DA VIDA, ESTIMULANDO O DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO, TECNOLÓGICO E HUMANÍSTICO COM JUSTIÇA E PAZ”.

Este é o juramento que todo Biólogo faz na sua Colação de Grau. Eu também o fiz…

Ao longo de quinze anos de formada vivi muitas experiências felizes e nem tão felizes assim… Descobri que a máxima “casa de ferreiro, espeto de pau” pode ser muito verdadeira, tanto quanto a outra máxima “água mole em pedra dura tanto bate até que fura”.

E é aí que nossa missão ganha sentido. Ao unir Magistério, Pesquisa e Biologia. Trazer novas explicações aos velhos conceitos. Explicar que os pontinhos escuros das samambaias não são bichinhos, mas uma parte muito importante ligada à sua reprodução, surpreender a todos quando dizemos que sim, somos ANIMAIS… Se assim não estivéssemos classificados deveríamos estar encaixados em um destes Reinos: fungos, protistas, moneras ou plantas!!!!!!! Sinceramente eu prefiro o Reino animal.

Devo lembrar e também parabenizar os Biólogos informais. Aqueles que nunca pisaram em solo acadêmico e muitas vezes são muito mais Biólogos que os graduados… Eles entendem e respeitam as “coisas da vida”. E as repassam aos seus próximos.

Comentários no Facebook