O workaholic não salva o momento de crise.

0
1427

Um workaholic, é aquele profissional como o próprio nome já revela, é viciado em trabalho. Essas pessoas denominadas como workaholic geralmente amam o que fazem, e além de possuir um excelente conhecimento do que é feito, na sua grande maioria, possui uma vida financeira proporcional a tamanha dedicação.
Esse workaholic que me refiro não é aquele que faz horas extras quando é necessário, que adquire algumas responsabilidades durante a ausência de algum colega que está ausente, ou aquele que dá um “gás extra” na abertura e fechamento do mês. Refiro-me aquele profissional que possui uma jornada de trabalho exaustiva e excesso de trabalho permanente.
Sabemos e entendemos o momento delicado que a economia atual está enfrentando, e mediante este cenário, muitos profissional que possuem este perfil tendem a dedicar-se ainda mais horas as suas atividades com o objetivo de “trazer de volta” o resultado tão esperado e longe de ser conquistado.
As organizações gostam do tipo de colaborador que é dedicado, responsável, comprometido e que vai além do propósito fazendo a diferença, porém, quando esses profissionais não conseguem atingir os resultados, eles tendem a acumular uma carga de stress emocional muito grande, e que na maioria das vezes, acaba refletindo nos demais colegas da empresa gerando o sentimento de frustração, incapacidade, além da falta de estímulo e criatividade.
Um profissional não deve ser só eficiente entregando o que se deseja, ele precisa ser eficaz. É a eficácia que está atrelada a criatividade, a capacidade para a inovação, os resultados e o relacionamento com o mundo.
Um workaholic que consegue ter uma noite tranquila de sono, ter vida social fora do ambiente de trabalho, respirar “outros ares”, consegue pensar melhor, desacelerar um pouco e estar mais bem preparado para encarar as adversidades que encontrará pela frente no próximo dia de trabalho, no próximo desafio.
É desta forma que ele levará uma vida mais leve, terá colegas de trabalho mais dispostos e confiantes, e juntos, poderão traçar as melhores estratégias para uma possível solução, ou ainda, o início da mudança de cenário quebrando paradigmas, fortalecendo as forças, crenças e apresentando as possíveis soluções que tanto se almeja, se deseja.

Work 2

Work 3

Work 5

Work 4

Comentários no Facebook