Sagitário – o Anjo da Liberdade

0
1304

Olá, amigo! Que bom encontrá-lo! Normalmente, por detrás desta frase há um nativo regido pelo anjo de Sagitário. Sua flecha (a do Arqueiro, do Centauro – seu símbolo) aponta para o reto e o estreito, para cima e para frente. O anjo de Sagitário confere a duplicidade, revelada nos princípios de coesão e unificação, entre o terrestre e o celeste, o instintivo e o ideal, a matéria e o espírito, o inconsciente e o supercons-ciente, o humano e o divino: de um lado, disposição expansiva do ser (saber-viver, saber-fazer, boas maneiras, conformismo, hono-rabilidade, prestígio, euforia); do outro, a impulsão intensa do puro-sangue, emancipação, sua vontade insurrecional contra os preconceitos, costumes e lugares-comuns. Não manifesta seu temperamento nervoso, o medo e a ansiedade com relação ao futuro que pode restringir suas atividades. Corajoso, alegre, de boa índole e otimista, leva a preocupação na brincadeira e sabe o que realmente vai perdurar na sua vida. Quando jovem, a procrastinação pode seduzir, aparentando irresponsabilidade e falta de tato. A maturidade conduz, no entanto, a manifestar uma sensação de bonomia, que nada mais é do que um disfarce para acobertar a mente tumultuada. Raramente coloca seus problemas em discussão.

sag

Alguns signos são polêmicos, simplesmente pelo prazer de retirar dos conceitos emitidos pelos outros, sobre determinado tema, conclusões que alimentem seu próprio raciocínio. É o caso de Touro, por exemplo, e de Leão, talvez… Não é o caso de Sagitário, certamente: não argumenta, para não destruir a paz de que necessita. Sagitariano procura outros prazeres: bom humor, companheirismo, esporte, convívio revista simbolo, amor à natureza e aos animais, variadas experiências aventurescas e a oralidade nas pregações, seja o assunto religião ou corrida de cavalos.

Com a impulsividade dos arianos e a jovialidade dos leoninos, seu ardente entusiasmo brilha até nas piores tempestades. Não desanima, mesmo com circunstâncias adversas, pois é dotado de ilimitada fé em suas capacidades. Espiritualmente, não envelhece. A conversação encanta os jovens e agrada aos velhos, e sua presença é querida e almejada. De Gêmeos (signo oposto) herdou a esplêndida oratória. Natural inclinação para o magistério, organiza, ordena e explica, sendo entendido até por inteligências medíocres. A duplicidade mental faz com que ocupe dois ou três trabalhos diferentes ao mesmo tempo; a duplicidade sentimental aspira ora um ideal ora outro, oscilando entre a simpatia e a antipatia, atração ou aversão. Sua vida é uma obra constante em favor da Igualdade e Fraternidade, com sua magnética simpatia e dinâmica personalidade, irradiando uma aura de bem-estar espiritual e material.

Magnânimo e generoso, não guarda rancor, não cultiva ódio e desdenha a vingança.

Porém, sua cólera é terrível, mas passageira. Reto e honesto, reconhece quando a razão pertence a outrem. Considerado, geralmente, como melhor dos inimigos, porque nunca persegue nem golpeia ou ataca alguém à traição.

O momento de Sagitário é a vivência de agradável brisa que ajuda a adentrar em áreas que, por vezes, deixamos intocadas. É tempo de gritar para espantar o medo e a dúvida que nos

mantêm escravos e prisioneiros. Chega! Somos livres!

Comentários no Facebook